quarta-feira, 23 de julho de 2014

terça-feira, 22 de julho de 2014

Flash

Valdevan 90 e o Lu, zagueiro do Harmonia, momentos antes da vitória definitiva sobre o VUMO em 2 a1, pelo 19º Campeonato de Veteranos 35.

Marco Sapão e amigos...

Nonô e os netos prestigiaram a festa varzeana.

segunda-feira, 21 de julho de 2014

Flash



Decisão do 19º Campeonato de Veteranos/35, na arena Guaciara, domingo, 6 de julho.

Harmonia campeão, depois de derrotar o tri VUMO por 2 a 1.

sábado, 19 de julho de 2014

CC Guaciara é campeão da 2ª Copa SEMEL

A decisão da 2ª Copa SEMEL, categoria 1998/98, aconteceu na arena Guaciara, no sábado, 12 de julho, e reuniu as duas melhores equipes desta competição organizada pela Secretaria Municipal de Esporte de Taboão da Serra.

A escolinha do CC Guaciara, dos professores Richard, Elvis e Ti, é merecedora do troféu de campeão.

O Internacional, de Embu das Artes, vice-campeão. Organizado e bom de bola, seja bem-vindo sempre.

A partida bem disputada teve somente um gol. O do artilheiro, camisa 9, Léo, que deu o título ao CC Guaciara.  

Rapaziada comemora a conquista e o resultado de 1 a 0 frente ao Internacional.

O secretário de esportes Fábio Fernandes e a rapaziada do CC Mituzi, 3º colocado, acompanhado da prof. Karina.

O melhor técnico da categoria 98/99, prof. Maciel, do CC Pq Laguna.

O CC Mituzi recebeu o troféu de a defesa menos vazada do campeonato com apenas 7 gols sofridos em 11 jogos.

Léo, o Leonardo, autor do gol da vitória, artilheiro da 2ª Copa SEMEL, cat 98/99, é premiado pelo secretário Fábio.

Léo marcou 15 gols em 12 jogos.

O Internacional recebe os agradecimentos do secretário Fábio por sua participação e leva a Taça de Prata.

Coordenada por Gilson Moura e o Val do Mituzi, a equipe de professores das escolinhas municipais fizeram um bom trabalho nesta 2ª Copa SEMEL, concluída com todo êxito.

Plena confraternização, Raimundo Ferrinho, Ti, o campeão Léo, Elvis, e o secretário Fábio.

(fotos enviadas pelo coordenador Val, da secretaria de esportes}

Não basta ser moleque
Tem que ser travesso com a bola nos pés
Caneta na mão
E olho nos livros!

sexta-feira, 18 de julho de 2014

quinta-feira, 17 de julho de 2014

Flash!


Torcedores, domingo, no CC Guaciara, 06/07, na decisão do 19º Campeonato de Veteranos/35 onde o Harmonia sagrou-se campeão ao vencer o VUMO em 2 a 1.

quarta-feira, 16 de julho de 2014

Harmonia é campeão veteranos/35 em Taboão!

Voltando ao segundo tempo de VUMO e Harmonia, na decisão do 19º Campeonato de Veteranos/35, domingo, 7 de julho, no CC Guaciara.

Perdendo por 1 a 0, o VUMO se lançou ao ataque e seu atacante foi abalroado na entrada da área.

Cobrada a falta, um jogador da barreira do Harmonia desviou a trajetória da bola com o braço. 

Pênalti assinalado, Renato Marques fez a cobrança e caixa: 1 a 1.

O goleiro Aranha estirado, e o capitão Cido apanha bola. 

Quer jogo.

Nem imaginando o que vinha a seguir.

A Raposa do Marabá partiu pro frevo e quando seu camisa 10 ia pro arremate...

Prevendo o perigo, Cido o puxou pela camisa. 

Marcada a infração, ele, que já contava um amarelo, tomou o vermelho.

A falta cobrada arrancou suspiros dos vumistas. Olha onde a bola passou.

A torcida do Harmonia temeu pela sorte de seu time, agora, com 10 jogadores.

Mas o VUMO não conseguiu manter o ritmo forte.

E o torcedor do alto prédio, usa o guarda-chuva pra se proteger do sol.

Sem perder um lance, viu quando a história da competição ia ser mudada. 

Invadida a área, o goleiro Alemão saltou pra abafar o chute e cometeu penal.

Encarregado da cobrança, Nei.

 Fatal! 

Foi o golpe. O gol que consolidou a vitória do Harmonia por 2 a 1, e que acabou com a hegemonia do tricampeão VUMO.

Valdevam Noventa, hoje mantenedor do Harmonia vibra ao fim da partida.

Afinal, o Harmonia é o campeão!

Hora da premiação. O goleiro Alemão recebe o troféu de goleiro menos vazado, prestigiado pelo prefeito Fernando Fernandes, o pres. da câmara Dú Nóbrega, o secretário de esportes Fábio Fernandes, e o vereador Ronaldo Onishi.

 3º colocado da competição, o Paraná Rod Raf.

VUMO vice-campeão, e o técnico Luizão é saudado pelo Fernandão.

Hora do cobiçado troféu. Valdevam Noventa é cumprimentado pelo secretário Fábio Fernandes.

Explosão em cores. Harmonia Campeão!

Rapaziada do Rod Raf, mais uma vez valorizando o futebol taboanense.

Nossa várzea é rica e vasta como cultura prática.

Se os dirigentes maiores do futebol brasileiro não investirem na várzea, podemos nos acostumar com a mediocridade apresentada pela seleção brasileira.

Fernandão se despede com mais uma foto, entre tantas solicitado.

Taboão da Serra, a capital brasileira do futebol varzeano.

Tem tudo pra ser!

terça-feira, 15 de julho de 2014

Harmonia é o campeão veteranos/35 de Taboão

Aranha, goleiro do Harmonia, puxa a fila e pisa no carpete do CC Guaciara com o pé direito.

Todas as mandingas protetivas são válidas em futebol, principalmente quando se tem como adversário o VUMO, Vilas Unidas Marabá e Oliveira, tricampeão da categoria (2011/12/13).

É a decisão do 19º Campeonato de Veteranos/35, domingo, 06 de julho, competição organizada pela Secretaria Municipal de Esportes, tendo a coordenação de Jorge Cipó e Gallo.

A primeira a ocupar o campo reestruturado pela administração Fernando Fernandes, agora com gramado sintético e arquibancada.

Justino, técnico do Harmonia, e Luizão, treineiro do VUMO, cumprimentam-se antes da partida.

O Harmonia, vice-campeão em 2013, perdeu para o próprio VUMO por 2 a 0.

Trajando amarelo, a Raposa do Marabá deixou o tetra escapar.

Arquibancada lotada. O taboanense mostra porque a cidade é considerada a capital da várzea do Brasil.

As equipes perfiladas pro hino nacional. 

Equipe de arbitragem, o secretário de esportes Fábio Fernandes, o prefeito Fernandão, o presidente da Câmara Du Nóbrega e o presidente do CATS, Anderson Nobrega prestigiando a decisão.

Início de partida e olhos ansiosos, de um lado...

e outro cobrem toda extensão...

E viram quando a zaga do Harmonia pecou na saída de bola, sobrando livre para o meia Nando... 

Que, ao invés de um arremate arrojado, preferiu tocar por cobertura...

Possibilitando a defesa parcial do goleiro Aranha, para, então, o zagueiro afastar o perigo.

O primeiro tempo seguia preso à marcação, e o único lance agudo nasceu de um cruzamento da direita para o cabeceio firme do atacante Geraldão.

Bola na rede. 1 a 0 Harmonia.

O VUMO tentou reagir e encontrou o Aranha, que deixou a raposa para ser o guardião do Harmonia.

Alemão, o mais titular entre os goleiros do Marabá, fazendo a defesa antes do encerramento da 1ª etapa.

Mineiro, presidente fundador do Harmonia, acompanha com um amigo e gosta da atuação do seu time.

Aí tô eu ao lado do Boy e amigos na pausa de um refresco.

Na sequência, as fotos da segunda etapa e a premiação.